Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Ana em Sab 19 Jul - 12:01

Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil


Companheiros atenciosos, professores solícitos e confidentes sedutores (além de pais e padrastos) são os maiores estupradores de mulheres e meninas no Brasil. Infelizmente, as estatísticas mostram que esse tipo de abuso é muito mais frequente do que aqueles praticados por desconhecidos em vielas escuras e emboscadas. É o que revelam pesquisas americanas e um estudo brasileiro divulgado com exclusividade por Marie Claire, além de dois tristes depoimentos de vítimas do crime

Nas últimas semanas, o presidente Barack Obama lançou uma campanha contra a violência sexual nos Estados Unidos. Com o lema “1 is 2 many”, um trocadilho com o numeral 2 e a palavra “too”, que em português significa algo como “um é demais”, a iniciativa visa desestimular jovens americanos de abusar de universitárias.

Em um vídeo veiculado na televisão e nos cinemas, Obama se une a galãs como os atores Daniel Craig (de James Bond) e Benicio Del Toro (de Che) com a seguinte mensagem de alerta: “Se ela não consentiu ou não pode consentir, é estupro”. A campanha também incentiva os rapazes a denunciar atitudes suspeitas e repensar a visão de que uma garota alcoolizada não merece proteção. “Se eu visse [o abuso] acontecendo, não a culparia. Eu a ajudaria”, diz Craig.

Dados do governo americano revelam que há uma epidemia de agressões sexuais nas universidades: uma em cada cinco estudantes são molestadas antes de concluírem seus cursos. Elas são vítimas do chamado “ date rape” (ficada-estupro, em uma tradução aproximada), cometido por flertes ou amigos em festas e encontros. Nesses episódios, as meninas costumam estar inconscientes porque beberam demais ou porque foram dopadas com drogas como o flunitrazepam, que induz o sono de forma rápida e é conhecido como “Boa noite, Cinderela”.

No Brasil, onde o golpe também é aplicado, essa triste realidade não é muito diferente. Além dos abusos cometidos em festas universitárias, estupros praticados por pessoas próximas da vítima são os que mais acometem mulheres e meninas, segundo o Mapa da Violência, realizado pelo Instituto Sangari e divulgado com exclusividade por Marie Claire

O amplo levantamento mostrou que 57% desses crimes são cometidos por amigos ou parentes. Na infância e na adolescência, conhecidos das meninas são os principais vilões, superando pais e padrastos no ranking dos crimes sexuais infantis, sendo responsáveis por 25,8% dos casos. Na vida adulta, a parcela de conhecidos que mais viola mulheres são os amigos: 16,6% do total. Ex-parceiros vêm logo em seguida. Um detalhamento mais profundo revela ainda que, em 57% dos casos, o abuso acontece na casa das próprias vítimas.

Especialistas ressalvam que esse número pode ser ainda maior. Muitas mulheres estupradas por pessoas com quem possuem algum tipo de ligação, principalmente afetiva, têm receio de denunciar o abuso. “A maior preocupação das abusadas é saber se vão acreditar em suas palavras. Elas sabem que vão ouvir coisas do tipo: ‘O cara é teu amigo, você aceitou carona’”, afirma a delegada Rosmary Corrêa, presidente do Conselho da Condição Feminina de São Paulo. “Quando há marcas decorrentes do uso da força, é mais fácil ir à polícia. Mas, sem esses vestígios, as pessoas questionam a denúncia”, diz.

Os depoimentos de Aurora*, que tinha 17 anos quando o estuprador rompeu seu hímen, e de Rafaela*, 23, que se recupera de uma hemorragia e de um corte de 10 centímetros na vagina causados pelo ataque sofrido há seis meses em sua casa, mostram isso. Elas não partilham apenas as marcas físicas e as lembranças das cenas de horror. Dividem também a dor de terem sido abusadas por homens de quem eram próximas, amigos e mentores com quem dividiam seus segredos, intimidades e, pior, a quem dedicavam confiança e afeto.
*Colaborou Ana Becker

http://revistamarieclaire.globo.com/Comportamento/noticia/2014/07/amigos-ou-parentes-sao-responsaveis-por-57-dos-estupros-cometidos-no-brasil-leia-relatos-de-vitimas.html
avatar
Ana
Bom inicio PaDawn
Bom inicio PaDawn

Mensagens : 512
Data de inscrição : 09/07/2014
Localização : Porto Alegre - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Ana em Sab 19 Jul - 12:03

copio aqui o comentário que fiz no tópico que estava desvirtuando Smile

Ana escreveu:sim, Carlita

algumas pessoas podem dizer que as mulheres deveriam se portar assim ou assado, se vestir assim ou assado, frequentar tais e tais lugares... mas a verdade é que não existe local seguro...
o perfil dos abusadores não é de um criminoso comum...  não se restringem à idade, classe social, raça, crença ... abusadores estão em todos os cantos e por vezes nem tem consciência de que é um abuso (não falo só do estupro) alguns acham que é só uma cantada inocente, uma pegada mais forte , que mesmo bebada ela consentiu ou que o parceiro tem seus direitos ...
ai viria alguém tipo o Rush do PF brandindo: "Então todos os homens são estupradores?" é claro que não...
mas a maioria , que muitas vezes se cala diante destes abusos, acaba sendo atingindo ... mas fazer o que? calar as vítimas e/ou deixar como está?
eu acho que não....
avatar
Ana
Bom inicio PaDawn
Bom inicio PaDawn

Mensagens : 512
Data de inscrição : 09/07/2014
Localização : Porto Alegre - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Ana em Sab 19 Jul - 12:10

mais sobre a campanha americana contra estupro:

http://exame.abril.com.br/marketing/noticias/campanha-contra-o-estupro-une-atores-e-politicos-nos-eua



O vídeo é bem claro e direto: “Se ela não consentiu, ou não tem capacidade de consentir, é estupro, é assédio, é um crime”.
avatar
Ana
Bom inicio PaDawn
Bom inicio PaDawn

Mensagens : 512
Data de inscrição : 09/07/2014
Localização : Porto Alegre - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Fiorella em Sab 19 Jul - 22:52

Ana, esse tópico tem também no PF?

Depois insistem em dizer que essas coisas acontecem porque demos margem... como se eu fosse a uma festa pedindo pra ser dopada e estuprada.  Sad 
avatar
Fiorella

Mensagens : 111
Data de inscrição : 10/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Ana em Sab 19 Jul - 23:08

ñ Fiorella...

só abri tópicos novos aqui , esta matéria da MC é de ontem Smile

pode postar lá se quiser...
avatar
Ana
Bom inicio PaDawn
Bom inicio PaDawn

Mensagens : 512
Data de inscrição : 09/07/2014
Localização : Porto Alegre - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Fiorella em Sab 19 Jul - 23:10

Ahhh, ok!

Quanto a postar lá, nem me animo, em função do nível senior de trollagem de certos membros. =\
avatar
Fiorella

Mensagens : 111
Data de inscrição : 10/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Ana em Sab 19 Jul - 23:17

no minimo dirão que a pesquisa é mal feita,  manipulada ou influenciada por esquerdistas :O

e é claro que Marie Clarie ñ é uma revista séria... séria mesmo deve ser a Veja que publica ótimos textos: tipo Constantino... RISADINHA
avatar
Ana
Bom inicio PaDawn
Bom inicio PaDawn

Mensagens : 512
Data de inscrição : 09/07/2014
Localização : Porto Alegre - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Ro Samy em Dom 20 Jul - 9:02

O abuso que sofri foi dentro de casa.
Conheço n histórias de amigas e conhecidas que passaram o mesmo terror.
Não há palavra que defina melhor isso: terror.
avatar
Ro Samy

Mensagens : 71
Data de inscrição : 11/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Alice Moura em Dom 20 Jul - 10:26

Muito triste esse tipo de coisa.
O que acho que podemos fazer é orientar as mulheres, desde meninas, a não ter medo de denunciar, caso ocorra uma tentativa, ou mesmo um fato desse tipo.
Venho de uma família onde meu avô (nascido e criado no Ceará) achava que bastava ser mulher para ter "servir aos homens". Então, tive tias, primas, e mesmo minha própria mãe sofreu tentativa de abuso. Nunca se soube de um fato consumado na família, mas eu não me surpreenderia se isso viesse à tona.
Minha mãe sempre evitava me deixar a sós com meu avô e quando eu tinha 8 anos, ela me disse o porquê.
Ainda tinha mais: ela me dizia que onde ela tinha sido criada, a mulher que tinha vida sexual ativa sem ser casada era considerada um nada, sem vontade, sem direitos, sem respeito; se algum homem ficasse sabendo que ela tinha saído com algum conhecido, por exemplo, todos os homens próximos (vizinhos ou mesmo "amigos") se achariam no direito de tentar estuprá-la ou seduzi-la. Desculpe a grosseria da expressão, mas era tipo: "deu pra um, vai ter agora que dar pra todos".
Às vezes fico na dúvida se a essa mentalidade arcaica e cruel desapareceu totalmente.
avatar
Alice Moura

Mensagens : 341
Data de inscrição : 15/07/2014
Localização : Rio de Janeiro - RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Si Cal em Dom 20 Jul - 10:58

Infelizmente é um fato... e acho eu que em até mais que 57% dos casos... Sou daquelas neuróticas, e sempre acreditei na premissa que o cachorro conhecido é que te morde...
avatar
Si Cal

Mensagens : 218
Data de inscrição : 11/07/2014
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Alice Moura em Dom 20 Jul - 11:43

Esclarecendo: citei o Ceará porque meu avô nasceu e se criou lá.
Esse tipo de comportamento não escolhe classe social, tipo de família, de religião ou lugar para acontecer.
Acredito que esteja mais ligado a um tipo de psicopatologia, pois só um homem com algum tipo de transtorno sexual vai enxergar numa criança a motivação que o levaria a buscar a companhia de uma pessoa adulta.
E o problema (abuso sexual) também ocorre com meninos, mas não é tão divulgado como no caso das meninas.
avatar
Alice Moura

Mensagens : 341
Data de inscrição : 15/07/2014
Localização : Rio de Janeiro - RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Si Cal em Dom 20 Jul - 11:52

Alice, vi uma reportagem sobre o assunto... são diversas coisas que contribuem para uma conduta... não é apenas um estado patológico, tem um codigo moral e ético... em alguns locais especificos existe uma conduta que é tida como "normal" perante a sociedade...


O fato é que quanto menor a evolução de um carater moral, mais facil a chance das psicopatias se associarem a essas faltas de regras e cercados morais... e mais facil ainda para atitudes serem tomadas e validadas pela sociedade...

Assisti um filme *nacional vou procurar o nome... que se passava em uma pequenina cidade do interior do sertão (não lembro o estado), onde o pai era o primeiro homem da filha, pq era esta a regra daquela sociedade... e esta filha e quem ao crescer sustentava os pais (pai/mae) velhos, prostituindo-se, e a cadeia ia se repetindo geração após geração... CHOCANTE o FILME... mas real!!!!
avatar
Si Cal

Mensagens : 218
Data de inscrição : 11/07/2014
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Alice Moura em Dom 20 Jul - 12:16

Si Cal:
Os códigos morais geralmente são velados, ou seja, praticados pelas pessoas, mas não se encontram escritos em diários oficiais, como se fossem uma lei regulamentada.
Em nossa sociedade, uma mulher que usa roupa curta e justa e transa com vários homens (exemplo) é tachada de um monte de nomes pejorativos, mas onde está escrito que é proibido usar? Onde está registrado que é ilegal sair com mais de um homem?
A não ser, é claro, em determinados locais, como igrejas, tribunais de justiça, que expressam claramente essa norma proibitiva do uso de roupas curtas.
Não vimos até bem pouco declarações que mulheres que se comportam assim ou assado "estão pedindo" o estupro?
Isso está escrito em algum código? Algum manual? Não, mas sabemos que muitas pessoas ainda compartilham esse horroroso tipo de pensamento.
O que acho importante é ensinar às crianças que não devem ter medo de falar. E que o adulto mais próximo não se torne cúmplice, nem que seja por omissão, pois acho que levará muito tempo para mudar esses tipos de conduta monstruosa.
avatar
Alice Moura

Mensagens : 341
Data de inscrição : 15/07/2014
Localização : Rio de Janeiro - RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Fiorella em Dom 20 Jul - 21:40

O que acho importante é ensinar às crianças que não devem ter medo de falar. E que o adulto mais próximo não se torne cúmplice, nem que seja por omissão, pois acho que levará muito tempo para mudar esses tipos de conduta monstruosa. escreveu:

Verdade, Alice. O fato desses abusos virem de pessoas conhecidas torna tudo mais difícil. Justamente por virem de pessoas "de confiança", acha-se que aquilo tem que ser aceito, e que a abusada está errada... =\ Muitas, quando se manifestam, não não levadas a sério, e dizem que estão delirando... graças a Deus nunca tive que passar por isso, mas o que leio de relatos assim não é pouco... é muito triste!
avatar
Fiorella

Mensagens : 111
Data de inscrição : 10/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Ana em Seg 21 Jul - 12:46

orientar e apoiar que meninas e mulheres denunciem é uma boa ... mas sempre a mulher como solução do problema...

precisamos ir além, na raiz do problema : HOMENS (já que a grande maioria dos abusos são cometidos por eles)

a solução atual continua mais ou menos como sempre foi: mulheres se cuidem, mulheres se vistam assim ou assado, mulheres não circulem por certos ambientes, mulheres não demonstrem que apreciam sexo e etc...
quando vamos educar os meninos que eles não são animais irracionais? que não podem simplesmente escolher uma femea e toma-la pra si ?
quando vamos ensiná-los a domesticar esta besta interior?
será que denunciar e talvez punir os abusadores resolverá? em um país onde a impunidade impera e a culpabilização de vítima é enorme terá algum resultado?

para meu gosto pessoal há um erotização enorme atualmente, ok... mas e daí ? a mulher não pode demonstrar que é sexualmente ativa pois o desejo masculino não conhece limites?
já indiquei algumas vezes o filme Persepolis... a menina de burca é parada por policiais porque o movimento das nádegas dela correndo poderia excitar algum homem !!!! acho que é bem por aí.... não importa como se vistam , as mulheres irão despertar desejo sexual em homens heteros...
que tal trabalhar sobre consentimento?

avatar
Ana
Bom inicio PaDawn
Bom inicio PaDawn

Mensagens : 512
Data de inscrição : 09/07/2014
Localização : Porto Alegre - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Fiorella em Seg 21 Jul - 15:09

Ana escreveu:orientar e apoiar que  meninas e mulheres denunciem é uma boa ... mas sempre a mulher como solução do problema...

precisamos ir além, na raiz do problema : HOMENS (já que a grande maioria dos abusos são cometidos por eles)

a solução atual continua mais ou menos como sempre foi: mulheres se cuidem, mulheres se vistam assim ou assado, mulheres não circulem por certos ambientes, mulheres não demonstrem que apreciam sexo e etc...
quando vamos educar os meninos que eles não são animais irracionais? que não podem simplesmente escolher uma femea e toma-la pra si ?
quando vamos ensiná-los a domesticar esta besta interior?
será que denunciar e talvez punir os abusadores resolverá? em um país onde a impunidade impera e a culpabilização de vítima é enorme terá algum resultado?

para meu gosto pessoal há um erotização enorme atualmente, ok... mas e daí ? a mulher não pode demonstrar que é sexualmente ativa pois o desejo masculino não conhece limites?
já indiquei algumas vezes o filme Persepolis... a menina de burca é parada por policiais porque o movimento das nádegas dela correndo poderia excitar algum homem !!!! acho que é bem por aí....  não importa como se vistam , as mulheres irão despertar desejo sexual em homens heteros...  
que tal trabalhar sobre consentimento?


Ana, esse é o ideal mesmo. Bem que poderiam aproveitar a repercussão desses abusos nos metrôs para ampliar o tema, e fazer uma campanha de conscientização com homens e, claro, pais de meninos. Ainda há aquela ideia de que mulher que gosta de sexo é porque faz sexo com todos, e, pior, sem consentimento.

Lembro-me de ter visto isso no filme "Ninfomaníaca", onde fazem questão de enfatizar bastante a questão do consentimento. Não importa se é freira ou ninfomaníaca. Independente do estilo de vida, a mulher é um ser humano com vontades, e que tem o direito de fazer suas escolhas.
avatar
Fiorella

Mensagens : 111
Data de inscrição : 10/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Ana em Seg 21 Jul - 17:14

mais alguns dados mundias sobre estupro
no Brasil além de poucos dados , é difícil saber quantos casos ñ são denunciados, acredito que muito pela cultura de culpar a vítima ...
=======================

Aqui está a lista dos 10 principais países com maior crime de estupro. Você ficaria surpreso ao ler que os países mais desenvolvidos, como EUA, Suécia, França, Canadá, Reino Unido e Alemanha são os mais imersos neste crime.
10. Etiópia
Etiópia é estimado para ter um dos mais altos índices de violência contra as mulheres no mundo. Um relatório da ONU constatou que quase 60% das mulheres etíopes foram vítimas de violência sexual. O estupro é um problema muito sério na Etiópia. O país é famoso pela prática do casamento por rapto, com a prevalência desta prática na Etiópia ser um dos mais altos do mundo. Em muitas partes da Etiópia, é comum para um homem, trabalhando em coordenação com os seus amigos, para sequestrar uma menina ou mulher, às vezes usando um cavalo para facilitar a fuga. O sequestrador, então, esconder sua noiva pretendida e estuprá-la até que ela fica grávida. Meninas de 11 anos de idade são relatados para ter sido raptada para fins de casamento. Além disso, o exército etíope foi acusado de cometer estupros sistemáticos contra civis.
9. Sri Lanka
As forças de segurança do Sri Lanka ainda estão estuprar e torturar suspeitos. Tem havido recentes alegações de que o estupro ea tortura por parte das forças de segurança do Sri Lanka continuaram quatro anos após o fim da guerra civil. O Estudo Multi-país das Nações Unidas sobre Homens e violência constatou que 14,5% da amostra de homens do Sri Lanka tinha cometido estupro em algum momento de suas vidas. 4,9% havia estuprado no ano passado. 2,7% havia estuprado outro homem.1,6% tinham participou de um estupro coletivo. 96,5% dos homens que estupraram experimentado sem conseqüências legais. 65,8% não se sentem preocupados ou culpado depois. 64,9% dos estupradores havia estuprado mais de uma vez, e 11,1% tinham estuprado quatro ou mais meninas ou mulheres.
8. Canadá
É um continente Amercing e total dos casos de estupro neste país são 2.516.918.Estes são apenas seis por cento do total de casos de estupro. Relata-se que mais de um em cada três mulheres tinha experimentado uma agressão sexual e que apenas 6% das agressões sexuais foram denunciados à polícia. De acordo com o Instituto de Justiça de British Columbia, uma em cada 17 mulheres é estuprada, 62% das vítimas de estupro foram feridos fisicamente, 9% foram espancados ou desfigurado.
7. França
O estupro não era um crime na França até 1980. Leis reforço direitos ea segurança das mulheres são relativamente recentes na França. O processo legislativo estupro um crime remonta apenas a 1980. Decretos anteriores foram baseadas em códigos morais do século 19. A lei sobre assédio sexual, foi aprovado em 1992 e um em assédio moral foi aprovada em 2002. O último projeto de lei para combater a violência contra as mulheres foi aprovada no ano passado. Estudos do governo mostram que há 75 mil estupros por ano no país. Apenas cerca de 10 por cento das vítimas apresentaram queixa. França está na sétima posição com o crime relatou total de 3.771.850.
6. Alemanha
Uma estimativa de 240.000 mulheres e meninas morreu até agora na Alemanha por causa deste crime. A Alemanha é o número seis da maior crime de estupro com as figuras de 6.507.394 neste ano, o que é realmente uma grande figura. Católicos alemães permitiram que as pílulas do dia seguinte para as vítimas. O país avançar em tecnologia está realmente se movendo muito para trás na humanidade.
5. Reino Unido
Muitas pessoas desejam viver ou até mesmo visitar Reino Unido, uma vez que é um dos países mais desenvolvidos. Mas eles certamente não deve estar ciente de que este país também está envolvido mal no crime de estupro. Em janeiro de 2013, o Ministério da Justiça (MJ), Instituto Nacional de Estatística (ONS) e Home Office lançou seu primeiro Boletim Estatístico Oficial nunca conjunta sobre a violência sexual, intitulado Uma Visão Geral da ofensa sexual na Inglaterra e no País de Gales.Segundo o relatório: Aproximadamente 85 mil mulheres são estupradas, em média, na Inglaterra e País de Gales a cada ano. Mais de 400.000 mulheres são vítimas de violência sexual a cada ano. Uma em cada cinco mulheres (com idades entre 16 - 59) sofreu algum tipo de violência sexual desde os 16 anos.
4. Índia
A Índia é o lugar onde a violência sexual está aumentando rapidamente. Estupro na Índia é um dos crimes mais comuns na Índia contra as mulheres. De acordo com o National Crime Records Bureau 24.923 casos de estupro foram registrados em toda a Índia em 2012, mas os especialistas concordam que o número de casos não notificados de violência sexual traz o total muito maior. Destes, 24.470 foram cometidos por pais / família, parentes, vizinhos e outras pessoas conhecidas que implica que, os homens conhecidos da vítima cometeu 98 por cento dos estupros. As últimas estimativas sugerem que um novo caso de estupro é relatada a cada 22 minutos na Índia.
3. Suécia
A Suécia tem a maior incidência de estupros registrados na Europa e uma das mais altas do mundo. Um entre cada quatro mulheres vem a ser vítima de estupro na Suécia. Até 2010, a polícia sueca registrou o maior número de infracções - cerca de 63 por 100.000 habitantes. O país tem-terceiro maior crime de estupro do mundo. Em 2009, foram 15.700 crimes sexuais relatados na Suécia, um aumento de 8% em relação a 2008, dos quais 5.940 eram de estupro e assédio sexual (incluindo exibicionismo) foram responsáveis ​​por 7.590 relatórios. Em abril de 2009, foi relatado que os crimes sexuais aumentaram em 58% nos últimos dez anos. De acordo com um estudo da União Europeia de 2009, a Suécia tem um dos maiores índices de estupros relatados na Europa. ( fonte )
2. África do Sul
O país tem uma das maiores taxas de estupro no mundo, com cerca de 65.000 estupros e outras agressões sexuais reportadas para o ano de 2012. A incidência de estupro levou para o país a ser referido como a "capital do estupro do mundo". Um em cada três das 4.000 mulheres inquiridas pela Comunidade da Informação, Capacitação e Transparência disse que tinha sido estuprada no ano passado. Mais de 25 por cento dos homens Sul-Africano entrevistados em uma pesquisa publicada pelo Conselho de Pesquisa Médica (MRC) admitiu estupro; desses, quase metade afirmou ter estuprado mais de uma pessoa. Três em cada quatro dos que tinham admitido estupro indicaram que haviam atacado pela primeira vez durante sua adolescência. África do Sul tem entre as maiores incidências de trabalho infantil e estupro bebê do mundo. Se o estuprador for condenado, seu tempo de prisão seria em torno de 2 anos.
1. Estados Unidos
O super poder do mundo está na primeira posição na corrida de estupros. Os machos são majoritariamente o estuprador segurando uma proporção de 99%. Fora de todas as vítimas, 91% são do sexo feminino, enquanto 9% são do sexo masculino. O Bureau of Justice Statistics dos EUA afirma que 91% das vítimas de estupro são do sexo feminino e 9% são do sexo masculino, e quase 99% dos estupradores são homens.De acordo com o National Violência Contra as Mulheres Survey, 1 em cada 6 mulheres americanas e 1 em 33 homens dos Estados Unidos sofreu um estupro tentado ou concluído em sua vida. Mais de um quarto das mulheres em idade universitária relatam ter experimentado um estupro ou estupro tentativa desde os 14 anos. Fora de tudo, apenas 16% do total de casos são relatados. Estupro exterior não é comum nos EUA e não a maioria dos casos de estupro ocorre dentro das casas.

http://www.worldnoticias.com/2014/06/top-10-paises-com-maior-crime-de-estupro.html
avatar
Ana
Bom inicio PaDawn
Bom inicio PaDawn

Mensagens : 512
Data de inscrição : 09/07/2014
Localização : Porto Alegre - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Ana em Seg 21 Jul - 17:17



Estima-se que a cada ano, no mínimo 527 mil pessoas são estupradas no Brasil, segundo estudo divulgado pelo IPEA. Desses casos, apenas 10% chegam ao conhecimento da polícia. Segundo dados do Sinan, 89% das vítimas são do sexo feminino, possuem em geral baixa escolaridade, sendo que as crianças e adolescentes representam mais de 70% das vítimas
Nos Estados Unidos, segundo Tjaden e Thoennes (2006), 0,2% dos indivíduos sofrem estupro a cada ano (0,3% mulheres e 0,1% homens) e estima-se que a taxa de notificação à polícia seja de 19,1%. No Brasil não foram aplicadas entrevistas em pesquisas especializadas no tema de violência sexual no âmbito nacional, que, por sua natureza e os tabus envolvidos, necessitam de uma metodologia cuidadosa, a fim de que os entrevistados possam reportar verdadeiramente as informações.

Contudo, em 2013, o Ipea levou a campo um questionário sobre vitimização, no âmbito do Sistema de Indicadores de Percepção Social (SIPS), que continha algumas questões sobre violência sexual. A partir das respostas, estimou-se que a cada ano no Brasil 0,26% da população sofre violência sexual, o que indica que haja anualmente 527 mil tentativas ou casos de estupros consumados no país, dos quais 10% são reportados à polícia.

Vitímas
Em relação ao total das notificações ocorridas em 2011, 88,5% das vítimas eram do sexo feminino, mais da metade tinha menos de 13 anos de idade, 46% não possuía o ensino fundamental completo (entre as vítimas com escolaridade conhecida, esse índice sobe para 67%), 51% dos indivíduos eram de cor preta ou parda e apenas 12% eram ou haviam sido casados anteriormente. Por fim, mais de 70% dos estupros vitimizaram crianças e adolescentes. Tal dado é absolutamente alarmante, uma vez que as consequências, em termos psicológicos, para esses garotos e garotas são devastadoras, uma vez que o processo de formação da autoestima que se dá exatamente nessa fase estará comprometido, ocasionando inúmeras vicissitudes nos relacionamentos sociais desses indivíduos.
A maioria esmagadora dos agressores é do sexo masculino, independentemente da faixa etária da vítima, sendo que as mulheres são autoras do estupro em 1,8% dos casos, quando a vítima é criança, 4,1% dos agressores das crianças são os próprios pais ou padrastos e que 32,2% são amigos ou conhecidos da vítima. O indivíduo desconhecido passa a configurar paulatinamente como principal autor do estupro à medida que a idade da vítima aumenta. Na fase adulta, este responde por 60,5 % dos casos. No geral, 70 % dos estupros são cometidos por parentes, namorados ou amigos/conhecidos da vítima, o que indica que o principal inimigo está dentro de casa e que a violência nasce dentro dos lares.


matéria completa com mais dados e planilhas:
http://www.cbnfoz.com.br/editorial/brasil/noticias/27032014-115720-estupro-no-brasil
avatar
Ana
Bom inicio PaDawn
Bom inicio PaDawn

Mensagens : 512
Data de inscrição : 09/07/2014
Localização : Porto Alegre - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Ana em Ter 5 Ago - 13:24

Em decisão rara no Brasil, a juíza Ângela Cristina Leão condenou a 9 anos, 4 meses e 15 dias de prisão, em regime fechado, um homem acusado de estuprar a própria mulher, em Goiás. Em sua sentença, a magistrada escreveu que “o matrimônio não dá direito ao marido forçar a parceira à conjunção carnal contra a vontade”. Embora caiba recurso, o réu não pode recorrer em liberdade.

***

Em sua defesa, o marido disse que, mesmo após ter agredido, insultado e ameaçado a esposa com uma faca, ela teria concordado com o ato sexual, já que “tirou a própria roupa”. A juíza explicou que mesmo sem a esposa oferecer resistência física, o crime de estupro foi caracterizado pela “conduta de submissão e medo da vítima”, que relatou ter temido novas agressões e que a arma com a qual tinha sido ameaçada continuava com o marido.
=======================================

o pior é ler isto e perceber que é a realidade de fato : Em decisão rara no Brasil    Sad  Sad 
depois vem um bando de idiotas dizendo   que as roupas e local frequentado  fazem diferença, ou que os números das pesquisas  estão erradas etc e tal...

matéria completa:
http://revistamarieclaire.globo.com/Mulheres-do-Mundo/noticia/2014/08/sexo-so-consentido-diz-juiza-que-condenou-marido-9-anos-de-prisao-por-estuprar-mulher.html
avatar
Ana
Bom inicio PaDawn
Bom inicio PaDawn

Mensagens : 512
Data de inscrição : 09/07/2014
Localização : Porto Alegre - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por carlita carlinha em Seg 11 Ago - 11:51

Por causa desses estupradores, nós é quem ficamos presos ao invés deles.

Não é justo a gente ter hora para sair e voltar para casa, por causa deles. Muito injusto. Não poder usar certas roupas, porque desperta a vontade deles.

Enfim, todos nós estamos presos e os delinquentes estão soltos para fazerem o que bem quer.
avatar
carlita carlinha

Mensagens : 192
Data de inscrição : 12/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Liu em Ter 12 Ago - 22:49

http://revistamarieclaire.globo.com/Comportamento/noticia/2014/07/depoimento-fui-estuprada-pelo-meu-melhor-amigo-diz-rafaela-23-anos-arquiteta.html

Coincidentemente li o depoimento da Rafaela faz umas duas semanas ou mais e fiquei mais indignada ainda com as coisas que o ser humano é capaz, por isso confiar confio em poucos.

"Há pouco mais de um ano, conheci o Luiz* em uma palestra. Eu tinha acabado de me formar na faculdade e passei a fazer um curso com ele, que é uma referência na minha área. Fomos nos aproximando, virei monitora das aulas e começamos a sair juntos, no mínimo duas vezes por semana, boa parte delas sozinhos. Íamos a barzinhos, ele me pegava em casa. Nos demos bem desde o início, conversávamos sobre trabalho, nossas vidas amorosas – ele tinha namorada e eu falava sobre os meus ficantes. Dizíamos que tínhamos uma amizade especial.

Contei que estava apaixonada por outro cara que, para meu azar, era casado. Para esquecer as mágoas, fomos juntos a uma festa em uma boate, só nós dois. Eu via o Luiz como um amigo, não como um flerte e, muito menos, uma ameaça. Bebi a primeira dose de uísque que ele comprou e, quando provei a segunda, comentei que tinha achado o gosto esquisito. Logo comecei a me sentir enjoada e atordoada. Eu não estava nem perto de estar bêbada. Fui ao banheiro e vomitei. Pedi para ir embora e Luiz disse que ia me acompanhar. Abriu a porta do táxi e deu o endereço da minha casa.

No caminho, disse a ele que estava me sentindo estranha outra vez. Ele prometeu cuidar de mim. Disse que ficaria ao meu lado a noite toda e que não deixaria nada de mau me acontecer. No elevador, subindo para meu apartamento, sentia como se estivesse flutuando. Era realmente difícil entender o que acontecia ao meu redor.

Fomos direto para o meu quarto. Ele me mandou deitar e tirar a roupa. Eu, que estava totalmente desorientada, obedeci. Quando me dei conta, ele estava em cima de mim. Eu não conseguia reagir. Gostaria de dizer que gritei e ninguém me ouviu. Mas simplesmente não consegui falar. Não senti nenhuma dor na hora. Minha memória apagou os detalhes. Lembro apenas de ouvi-lo dizer: ‘Você está sangrando’.

Não recordo nem de ter caído no sono. Acordei na manhã seguinte com a luz do sol no rosto e uma poça de sangue embaixo de mim. Luiz estava ao meu lado e também tinha sangue nos braços, no rosto. Tentei acordá-lo, mas não consegui. Ele resmungou, virou para o lado e seguiu dormindo. Lembro de tomar banho e ver o sangue ainda escorrendo pelas minhas pernas. Chamei uma amiga, que morava comigo e dormia no quarto ao lado. Ela me levou ao hospital.

Na sala de espera, quando me chamaram, a cadeira onde estava sentada ficou ensopada de sangue. Desmaiei. Acordei no chão, com médicos ao meu redor achando que estava abortando. Como ainda não conseguia perceber o que tinha ocorrido, achei que a hemorragia era resultado de três meses emendando a pílula anticoncepcional. Três dias depois, ainda com sangramento, fui a uma ginecologista acompanhada de outra amiga, médica. A cara de espanto das duas ao me examinar foi horrível. Eu tinha um corte de 10 centímetros na vagina. ‘Este ferimento é uma aberração. Só um parto de um bebê enorme ou um estupro causariam isso.’ Foi a primeira vez que ouvi a palavra.

Demorei a processar a informação: eu havia sido estuprada pelo meu melhor amigo. Percebi também a omissão do hospital. Eles me liberaram sem exame ginecológico e sem investigar o caso de alguém que chega atordoada com a vagina machucada. Mas, naquele momento, três dias já tinham se passado e eu não poderia fazer exame toxicológico – que revelaria o que ele colocou em minha bebida. O teste ajudaria a explicar minha falta de dor e de lucidez na hora e seria uma prova importante no caso de eu denunciá-lo.


Saindo de lá, mandei uma mensagem para o celular dele: ‘Você é um perigo para a sociedade. Estou com o ferimento de um estupro’. Ele respondeu: ‘Se Deus me fez grande, a culpa é do Neston que tomei quando criança’. Senti muita raiva. Não o reconhecia mais. Não conseguia entender por que ele havia feito aquilo. Mais de um mês se passou e nos vimos novamente em um congresso. Havia cortado completamente a relação, ele também não me procurou mais. Naquele dia olhei em seus olhos e perguntei: ‘Por quê?’. Luiz respondeu: ‘Errar é humano’ – e só. Sua expressão era de completa indiferença.

Dois psicólogos que procurei disseram que Luiz deve ter colocado flunitrazepam na minha bebida. Se não tivesse vomitado, hoje provavelmente não me lembraria de nada. Coletei as provas que foram possíveis: o prontuário do hospital, o laudo que atesta a lesão e nossos SMS. Faz seis meses que tudo aconteceu. Minha família não sabe. Os poucos amigos a quem contei me dizem para denunciá-lo, mas ainda não estou pronta. Tenho medo de que Luiz use de sua influência para me desestabilizar e  tenho, sobretudo, vergonha. Comecei um tratamento psicológico e sei que vou carregar o trauma para toda a vida.”

Impressionante é que ela não consegue denunciar e isso é muito comum, quando tiver consciência que isso tem que ser feito já vai ser tarde pra provar e tudo mais. Nessas horas muitas vezes a vítima se sente responsável pelo que aconteceu.
avatar
Liu

Mensagens : 337
Data de inscrição : 11/08/2014
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Liu em Ter 12 Ago - 22:56

carlita carlinha escreveu:Por causa desses estupradores, nós é quem ficamos presos ao invés deles.

Não é justo a gente ter hora para sair e voltar para casa, por causa deles. Muito injusto. Não poder usar certas roupas, porque desperta a vontade deles.

Enfim, todos nós estamos presos e os delinquentes estão soltos para fazerem o que bem quer.

Estupro não tem a ver com roupa, com comportamento da vítima ou qualquer coisa do tipo. Quem estupra/molesta tem prazer em subjugar a vítima, em fazer ela sentir medo e vergonha. Isso excita, faz o estuprador se sentir superior a vítima, o estupro de homens na África tem esse objetivo acho que isso vale nos casos em geral.
avatar
Liu

Mensagens : 337
Data de inscrição : 11/08/2014
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amigos ou parentes são responsáveis por 57% dos estupros cometidos no Brasil

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum